skip to Main Content

Tel.: +55 (47) 3375.0458
Whatsapp: +55 (47) 9 9959.9193
Email: contato@ousarcomunicacao.com
Endereço: Rua Joaquim Francisco de Paula, RI 42 - 175 - Chico de Paulo - Jaraguá do Sul - SC

Menu
8 Mitos Do SEO

8 mitos do SEO que nem eu sabia!

O Google premia sites que sejam relevantes.

Entregar um material valioso de forma rápida, constante e segura para o usuário do mecanismo de busca vai fazer você cair nas graças do Oráculo!

Fique atento aos detalhes e capriche no conteúdo para bombar seus acessos orgânicos e conseguir um público fiel e interessado.

Vamos lá?

1 – Site antigo não vai ser bem indexado.

Antigo site da Apple
Este era o site da Apple há mais de 20 anos

O algoritmo de busca se importa com sites que sejam relevantes e que resolvam a pergunta pesquisada com clareza e agilidade.

Se um site é novo, mas irrelevante para aquela pesquisa, ele não será bem ranqueado.

No entanto, mesmo que já tem vários anos, mas aquele post ou página continua resolvendo o problema de várias pessoas, terá um bom ranqueamento.

2 – Usar ou não usar Google Apps.

Google Apps

Usar Gmail, Google Drive, Google Blogger, Google Plus ou qualquer outro app não influenciará no seu posicionamento.

Use pela utilidade que eles tem para você, mas não afetarão seu posicionamento.

3 – Botões de compartilhar melhoram a indexação.

Facilitar a propagação do seu conteúdo é ótimo para alcançar mais pessoas, mas isso não afetará o SEO.

4 – Quanto maior o tempo médio de acesso ao seu site, melhor será o ranqueamento.

8-mitos-SEO-GIF

Quanto tempo você quer que as pessoas fiquem no seu site?

Muito ou pouco?

E se eu te disser que quanto menos tempo elas resolverem seus problemas, melhor?

Afinal, estamos em busca de soluções, e quanto mais rápido melhor!

Obviamente, trabalhamos para que os conteúdos engajem e mantenham os usuários atentos.

Mas imagine ter que fuçar um site de notícias durante 10 minutos para saber se a avenida principal terá ou não novos radares na segunda feira?

A concorrência vai resolver em dois minutos!

Por isso, mantenha a objetividade e não seja prolixo.

5 – A tecnologia usada no seu site deve ser a mais moderna (ou “do Google”)

Vue vs Angular vs React
As novas queridinhas do Front-End: Vue, Angular e React

Sim, deve! Mas por causa do UX – User Experience, não do SEO.

Google quer uma coisa de você (na verdade, do seu site): relevância.

Ele quer satisfazer os usuários direcionando-os para páginas com respostas valiosas e precisas para suas pesquisas.

Como você faz para descobrir quais conteúdos são mais relevantes, qual a linguagem na qual seu site foi programado, qual CMS usa ou outros elementos técnicos não importam na hora do SEO.

Mas lembrem que o Google é um robô: invista em conteúdo visual de qualidade e uma boa experiência do usuário apara prender a atenção dos visitantes.

6- Para ser bem ranqueado você precisa de uma hospedagem dedicada.

hospedagem-de-sites-compartilhada-768×188

A resposta para isso não é tão simples.

A hospedagem, em si, não é um fator de ranqueamento.

Mas o Uptime (tempo que o seu site ficou online e disponível pela web) e a velocidade de carregamento (o Google tem uma ferramenta própria para avaliar a velocidade de sites o PageSpeed) da sua página são fatores importantes de SEO.

Se o seu site é leve e tem uma nota razoável no PageSpeed, talvez não valha a pena o esforço e investimento numa hospedagem dedicada.

Pelo menos, não por causa do SEO.

7- O separador que você usa no título é importante, você só pode usar @#$%¨&*

8 mitos do SEO que nem eu sabia – Agência Ousar
8 mitos do SEO que nem eu sabia | Agência Ousar
8 mitos do SEO que nem eu sabia – Agência Ousar
8 mitos do SEO que nem eu sabia Ξ Agência Ousar

Qual você acha que vai ser melhor ranqueado?

Não importa!

Se você fizer um estudo e constatar que o seu público clica mais no “-“, use.

Mas no final das contas, o Sir Google não dá a mínima para isso.

8- O <H1> sinaliza seu conteúdo mais importante. (Essa nem eu sabia!)

td_html

Acho que esse é o mito mais recorrente.

Olha como é bom pesquisar, se atualizar e produzir conteúdo relevante: eu mesmo achava que isso era importante!

Mas, na verdade, as tags de cabeçalho ajudam na leitura e organização das ideias do seu texto, mas não no SEO.

Nas boas práticas, o
<h1> deve ser o texto maior e de mais destaque. Mas isso é visual. Trata-se de experiência do leitor.

Que é muito importante, mas trataremos isso num artigo específico 😉

Gostou? Então CLIQUE AQUI e solicite uma auditoria gratuita do SEO do seu site!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top